O MANUSCRITO DE SOBREVIVÊNCIA

26/03/2014 12:31
 
 


PARTE 405
Os Companheiros Constantes 
Canal: Aisha North
23.03.2014


Embora expostos a estas novas frequências energéticas por apenas um curto período de tempo, já mostram sinais da mudança profunda ocorrida. Para alguns, se torna evidente em vários tipos e formas, enquanto que para outros, essas profundas mudanças ainda terão que se tornarem perceptíveis nas camadas mais externas do seu ser.

Explicamos. Como já está ciente, a totalidade do seu ser é realmente um incrível complexo e, mesmo que uma pequena minoria de vocês já tenha sido capaz de se reconectar a sua camada única, para a maioria, este processo irá demorar um pouco mais. Isto não é qualquer tipo de corrida ou competição, ou qualquer prova de habilidade ou talento, é simplesmente um sinal dos diferentes papéis que está desempenhando neste enorme e complexo processo.

Todos estão exatamente onde estavam destinados a estar e, para alguns, implicará no acesso pleno a seu repositório de conhecimento mais cedo do que a maioria, enquanto para outros, isso significa que serão orientados de uma forma ligeiramente diferente.

Nada aqui será deixado ao acaso, por isso o trabalho que é realizado por cada indivíduo envolvido nesse processo de reviravolta não pode ser concluído ou substituído por qualquer outra pessoa, simplesmente pelo fato de que todos carregam sua própria programação única ajustada especificamente para preencher esse espaço designado nesta grande orquestra.

Assim como um violinista não pode trocar de lugar com um percussionista, não importa o quão habilidoso músico ele ou ela seja, ninguém pode simplesmente decidir trocar de lugar com qualquer pessoa envolvida nesta enorme orquestra galáctica a qualquer momento.

E assim, pedimos mais uma vez para que de nenhuma forma compare notas erradas, ao comparar seu "sucesso" ou aparente falta dele com outros. Cada um é toda uma história de sucesso em todos os sentidos da palavra, embora, na medida em que avança, faz num ritmo e sentido muito específico, ao contrário de qualquer outra pessoa.

Isso não significa que seu caminho não irá coincidir com o de outra pessoa de vez em quando, todavia quando acontecer, será porque foi destinado para ser assim. Então, quando encontrar, e aparentemente se desviar da direção geral das quais os outros estão tomando, não significa necessariamente que esteja se movendo na direção errada, que está confuso ou ficando para trás. Isto é, desde que no fundo saiba que está seguindo a sua própria orientação interior.

Porque, como já dissemos antes, você é a pessoa com a mão no volante e o pé no pedal do acelerador e, assim, se optar por ignorar os sinais que seu eu superior está lhe enviando agora continuamente, estará apto a ficar enredado num beco sem saída em algum lugar. É algo totalmente diferente e estamos certos de que todos saberão a diferença entre honrar o seu próprio caminho e ir contra seu próprio conhecimento interior.

Seja como for, nesta fase do processo, muitos irão encontrar-se abruptamente desviando-se dele, talvez, surpreendentemente entrando por uma rua lateral, pelo menos, em comparação com os outros, em torno das escolhas que estiverem fazendo. E não ficaria surpreso se muitos acharem que esta aparentemente tranquila rua despretensiosa, de repente, passe a ser uma via expressa, em direção a um destino muito intrigante, que nem sabia que tinham o desejo de visitar.

Em outras palavras, isso se transformou em "jogo de bola" muito diferente agora, usando uma frase que muitos estão familiarizados. Por enquanto, os campos de força dentro de vocês, como de fato todo o campo gravitacional, que engloba não só você, mas todo o planeta, mudou a tal ponto que há muitas, muitas novas oportunidades vindo a existir, mesmo enquanto falamos. No momento, existem novas faixas de rodagem abertas, estradas que não foram viajadas por eras, mas agora estão lá acenando para que vá dar uma olhada.

E todas essas novas autovias, estradas e caminhos, irão leva-lo até alguns cruzamentos muito, muito interessantes, locais de interesse, todavia não simplesmente para olhar. Em outras palavras, levará a todos por novos caminhos que os levarão a portais que mais uma vez foram declarados abertos e acessíveis para todos. Entretanto, contando que escolha tomar essas novas e extremamente desconhecidas estradas.

Por que não existem sinais que apontem na direção dessas novas e não percorridas estradas, ou melhor, há sinais claros a serem seguidos, mas não são distintamente marcadores do mesmo modo que os caminhos mais "normais" de vida são demarcados. Então, agora, será solicitado a pesquisar profundamente e escutar ainda mais atentamente, de forma que também gostaríamos de lembrá-lo de não descartar qualquer coisa que não tocar um sino, como se fosse à primeira vista. Em outras palavras, é preciso reunir a vontade de ficar alerta e curioso e estar disposto a ouvir alguns sinais que possam parecer indistintos ou estranhos à primeira vista.

Muitos daqueles sinais antigos e de caminhos mais viajados ainda estão lá, chamando aqueles mais inclinados a escolher o conhecido sobre o desconhecido e, como tal, caberá a todos para simplesmente não ir em frente mesmo que não tenha tempo para olhar ao seu redor atentamente antes de decidir sobre o próximo passo. Por lá, obscurecida por uma espécie de enigma superficial, poderá estar uma importante passagem que irá acelerar o seu próprio caminho de forma exponencial e, por isso, este será realmente um momento de avaliação, reavaliação e clareza.

E por que essas vias tão importantes estão escondidas? Ouvimos perguntar. A resposta é simplesmente esta: Não estão escondidas, mas como ainda tem que se acostumar a perceber a totalidade de seu entorno através dos sentidos não abrangidos simplesmente no âmbito de uma mente humana, ainda estão muito propensos a ignorar o que irá se tornar mais óbvio, na medida em que treinar para se tornar totalmente desperto.

Disso é que se trata tudo isso, despertar os sentidos adormecidos, aqueles que estiveram lá o tempo todo, mas tornaram-se negligenciados, como resultado da reprogramação que sofreram, uma reprogramação que foi feita, a fim de torná-los sentindo-se muito menor e menos incrível do que realmente são.

Então mais uma vez, vamos usar a parábola do músculo não utilizado e, assim, precisa começar a treinar os músculos ainda meio adormecidos. Assim como em um corpo físico, seu instinto natural será o de favorecer os músculos que já trabalham em plena capacidade, de modo que se não escolher conscientemente envolver aqueles sentimentos ainda bastantes fracos e partes não treinadas do seu ser, literalmente perderá informações que poderão ajudá-los a acelerar em seus progressos.

Mantenham-se totalmente acordados e não cedam à tentação de simplesmente caminharem em frente, mesmo sem ter tempo de sentarem e olharem em volta, em todas as direções. E quando dizemos todas as direções, não estamos simplesmente nos referindo a uma varredura de 360 graus da linha do horizonte. Também estamos nos referindo às outras direções, como acima e embaixo e, acima de tudo, interiormente.

São seres verdadeiramente multidimensionais, embora ainda, tenham muito pouco treinamento em existir como tal, e assim, se não fizer um esforço, continuarão a existir num nível singular como sempre viveram.

E é por isso que dizemos que é extremamente importante que tomem um tempo para reconhecerem o fato de que agora, tudo realmente se tornou muito mais complexo. E não fiquem tentados a pensar que será demais e, portanto, será melhor fecharem os olhos para isso. A esta altura, a única coisa que gostariam de fazer, é finalmente abrirem os olhos para o real.

Porque, se fizerem isso, verão por trás dessa fina e simples ilusão mental em que estiveram por todas suas vidas, e quando abrirem os olhos em todos os sentidos - e com todos os sentidos que tiveram, não apenas com aqueles definidos dentro dos limites de uma existência humana - Só então serão capazes de realmente viverem em seus plenos potenciais.

Estão configurados com uma incrível variedade de habilidades, embora por enquanto, elas se encontrem ainda lá não descobertas, como tesouros há muito esquecidos no fundo de um armário. Mas agora, a porta foi escancarada e se continuar ir em frente poderá encontrar este tesouro, de modo que se simplesmente for o mesmo de sempre, provavelmente passará pela porta sem perceber que ele está lá. Lembre-se, não podemos forçá-lo a encontrar o seu próprio tesouro escondido, podemos simplesmente fazer o que sempre fizemos; lembrá-lo de sua existência.

Mas ao se permitirem tornarem-se candidatos e exploradores em todos os sentidos da palavra, isto é, constantemente empurrando-se para além do que acham que já sabem, então certamente irão encontrar olhando-se com admiração para os tesouros diante de vocês. E então, irão saber o que fizeram o que vieram fazer aqui.

Vieram para redescobrir as maravilhas que são e, mesmo que tenham encontrado tudo, terão muita alegria em descobrir as verdades que se encontram além das antigas versões suas, havendo ainda muito mais para descobrir.

Então não deixe esta oportunidade passar, enquanto está definido e pronto para se tornar verdadeiramente completo pela primeira vez, na primeira oportunidade. Mas se ignorar a chamada interior para procurar esse caminho mais evasivo, poderá cair na tentação de se desviar no primeiro caminho bem trilhado que encontrar. Mas que não irá levá-lo na direção certa, para aquela que procura, encontrando-se um pouco mais escondida do que essa. Afinal de contas, é para ser encontrado não se tratando algo em que simplesmente se tropeça todo dia.

Então dizemos, procure e achareis.

Sim, isso pode lhe trazer algumas frustrações ao longo do caminho, pois não é certo que na primeira oportunidade que encontrar seja o único caminho a percorrer. Sabemos que esta afirmação pode ser confusa para alguns, porque já se sente como estivesse perto deste tesouro evasivo e aparentemente difícil, todavia esperamos que encontre algum conforto no conhecimento de que toda esta impaciência que sente seja um sinal claro disso do quão perto está para o cumprimento de sua missão.

E isso é tudo o que faz, servir, não ser alguém para se conectar, sem reflexão, sem colocar em risco a sua própria escolha pessoal em primeiro plano. Porque - como já disse - é o seu tesouro que o espera. Ninguém mais pode ir por este caminho no seu lugar ou que seus entes queridos recuperem isso para você.


Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/03/o-manuscrito-de-sobrevivencia-parte-405.html
Aisha North – Channelingsand Words of Inspiration
Fonte e Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge 

LUZ!